Cantor Thiaguinho processa ex-empresário e alega desvio de milhões

Escrito por em 23/12/2021

Depois que Thiaguinho desfez a parceria de trabalho de 5 anos com seu ex-amigo e agora ex-empresário, Bruno Azevedo, para assumir sozinho a gestão de sua carreira, o cantor abriu uma ação judicial contra o manager e a empresa dele, a Híbrido Eventos.

Nela, Thiaguinho acusa Bruno do suposto desvio de quase R$ 10 milhões. O artista alega, ainda, que o empresário apresentava um comportamento instável, agressivo e com atitudes que vinham prejudicando sua carreira, como tê-lo levado a romper contrato com a Som Livre, ter passado informações à Revista Forbes que não condizem com a realidade, revelando um patrimônio muito superior ao que o cantor realmente tem, entre outras coisas.

Thiaguinho contratou auditoria para apurar as contas da empresa de Bruno Azevedo e garante ter descoberto que os desvios milionários estariam ocorrendo desde 2018, pelo menos. A auditoria, no entanto, ainda não foi concluída.

O advogado do artista chegou a pedir o bloqueio das contas do ex-empresário, mas o pedido não foi aceito pela Justiça. Thiaguinho também foi à esfera criminal contra Bruno Azevedo.

Fontes da coluna de Fabia Oliveira, do portal Em Off, afirmam que Bruno diz que é Thiaguinho quem deve a Híbrido Eventos, uma vez que ele alega que sempre recebeu menos que o percentual que lhe era de direito.

Marcado como

Faixa Atual

Título

Artista

Background