Dezenove cidades baianas poderão ter aulas semipresenciais

Escrito por em 19/04/2021

O Governo do Estado editou um decreto que permite o retorno de atividades letivas nas unidades de ensino públicas e particulares, de maneira semipresencial, em cidades em que a taxa de ocupação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) se mantenha, por cinco dias consecutivos, igual ou inferior a 75%. A medida foi publicada no domingo (18), na versão on-line do Diário Oficial do Estado (DOE).

A realização das atividades letivas semipresenciais segundo o decreto fica condicionada à ocupação máxima de 50% da capacidade de cada sala de aula e ao atendimento dos protocolos sanitários estabelecidos. No restante do estado, continuam suspensas, até 26 de abril, as aulas presenciais nas unidades de ensino, públicas e particulares.

Confira a lista de municípios permitidos:

Caém, Caldeirão Grande, Capim Grosso, Jacobina, Mairi, Miguel Calmon, Mirangaba, Morro do Chapéu, Ourolândia, Piritiba, Quixabeira, São José do Jacuípe, Saúde, Serrolândia, Tapiramutá, Umburanas, Várzea da Roça, Várzea do Poço e Várzea Nova

Facebook
Twitter
Marcado como

Faixa Atual

Título

Artista

Background