Estudante de Medicina é conduzido à Delegacia por exercício ilegal da profissão

Escrito por em 22/10/2021

 Um jovem estudante de medicina foi preso nesta sexta-feira (22), no Hospital Traumatologia e Ortopedia (HTO) SUS, em Feira de Santana, suspeito de exercício ilegal da profissão e falsidade ideológica. O caso está sendo investigado pelo delegado titular da 2ª Delegacia Territorial (DT)de Feira de Santana, Alisson Ferreira de Carvalho. 

“Na noite de ontem 21, recebemos uma denúncia do vereador Emerson Minho(DC), que tinha um falso médico atuando no HTO SUS, e hoje pela manhã, fomos até o hospital e ficamos observando os pacientes que estavam sendo atendidos, no momento que um dos pacientes saíram, realizamos uma abordagem e mostramos uma fotografia, para saber se aquela pessoa tinha feito o atendimento dele, ele confirmou. Em seguida, verificamos a  receita e confirmamos que estava em nome do médico, entramos no hospital e demos voz de prisão a ele”, relata o delegado Alisson. 

Segundo informações da polícia, o jovem cursa medicina em uma faculdade de Salvador-Bahia e atuava com o registro profissional de um médico da mesma unidade, que conforme denúncia, é  padrasto do suspeito. “Conforme as vítimas, ele já estaria atendendo desde de agosto deste ano, como médico plantonista clínico-geral. Ele agora está à disposição da justiça, a finança não será arbitrada”, disse Ferreira.  

De acordo com  o vereador Emerson Minho (DC) ,presidente da Comissão de Saúde do Município, “passamos essa denúncia para a delegacia, para que fosse apurado, pela sondagem, ele é enteado do dono do HTO. 

Com informações do Conectado News

Marcado como

Faixa Atual

Título

Artista

Background