Ministro da Saúde anuncia apoio da OPAS para compra de “Kit intubação” e diz que a ordem é evitar Lockdown

Escrito por em 03/04/2021

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, anunciou hoje (3) que a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), braço da Organização Mundial de Saúde (OMS), vai auxiliar o governo federal na aquisição de “kits de intubação” para pacientes com covid-19.

Segundo o ministro, será possível repor os estoques reguladores, “de tal sorte que essa operação diária que existe, de fazer o aporte desses insumos para estados e municípios, seja menos sofrida para o Ministério da Saúde, e que crie menos ansiedade na população brasileira”. Ele estimou em 10 dias a chegada dos primeiros itens.

O anúncio foi feito pelo ministro, ao lado da diretora da Opas no Brasil, Socorro Gross, na manhã deste sábado (3), em Brasília. Eles participaram de videoconferência com o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom.

O ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, afirmou que, em uma conversa com Tedros Adhanom, presidente da Organização Mundial da Saúde (OMS), analisou-se a possibilidade de adaptar fábricas brasileiras de vacinas para animais para que elas passem a produzir vacinas para a prevenção da Covid-19 em humanos.

Durante a entrevista, Queiroga ressaltou que é preciso observar as regras de prevenção ao contágio, como usar máscaras e evitar aglomerações, mas que não haverá uma lei que obrigará as pessoas a fazerem isso.

“O Brasil é um dos focos da doença, estamos perdendo, todos os dias, muitos brasileiros. Isso decorre da pressão sobre o sistema de saúde”, afirmou Queiroga. Foi nesse momento que ele pediu para que as pessoas usem máscaras, mantenham distanciamento e evitem aglomerações.
“Todos sabemos que o uso de máscaras é fundamental, é necessário que haja adesão da população brasileira”, disse.

Ele então afirmou que a ideia é também proteger a economia e que evitar lockdown é a ordem. “Não adianta querer fazer isso na base da imposição. Não vão conseguir. Não é lei que vai obrigar as pessoas a usar máscara, tem lei demais nesse país. É preciso que as pessoas acreditem no que estamos dizendo e que façam”, afirmou.

Marcado como

Faixa Atual

Título

Artista

Background
Digital 104.3 FM