Mulheres são presas em Luis Eduardo Magalhães após tentar falsificar cartão de vacinação

Escrito por em 23/11/2021

Por Ellen Rarden

Três mulheres foram detidas após tentar subornar agentes de saúde para preenchimento indevido de cartão de vacinação contra a Covid-19, em Luís Eduardo Magalhães, no oeste do estado. De acordo com o delegado Leonardo Mendes, responsável pelo caso, elas pagariam R$1 mil em dinheiro para que uma técnica de enfermagem comprovasse a imunização com duas doses, em um cartão de vacina preenchido de modo irregular, sem que tomassem os imunizantes.
Ainda segundo a polícia, esse valor seria apenas uma entrada para o total, que seria de R$ 10 mil, pagos em duas parcelas. As mulheres não queriam se vacinar, mas precisavam do comprovante para terem acesso a um show sertanejo, realizado aqui em barreiras e também para fazerem uma viagem para o exterior.
As mulheres foram liberadas após pagamento de fiança, no valor de 1.100 reais.

Marcado como

Faixa Atual

Título

Artista

Background