‘Vacinação é o único caminho para vencer a Variante Delta’, diz secretário

Escrito por em 21/09/2021

Os casos da Variante Delta vem crescendo na Bahia. O Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (LACEN-BA) detectou nesta segunda feira (20), mais dez casos da variante no estado. Com estes novos registros, a Bahia tem ao todo 14 casos. Dois deles foram identificados em Salvador. A cidade também registrou uma morte pela variante, no dia 27 de agosto.
Em entrevista à Rádio Digital FM, emissora do Grupo Lomes de Comunicação, o secretário de Saúde de Salvador (SMS), Léo Prates, informou que desde o anúncio da chegada da variante no Brasil e o agravamento no Rio de janeiro, a SMS passou a observar os dados para adotar medidas que evitassem a proliferação da variante na capital. Segundo Leo, o primeiro passo foi a a intensificação dos protocolos de segurança, como o reforço da importância do uso de máscaras e a aceleração da vacinação.
“Salvador foi a primeira capital a aplicar a dose de reforço em idoso e estamos bastante avançados nisso. Também estamos combatendo o chamado “buraco de vacina”, que são as pessoas não foram se vacinar”. Afirmou o secretário.
Leo Prates disse ainda que graças a este esforço e da busca ativa, 56 mil pessoas foram vacinadas em salvador e que a aceleração da vacinação é a principal arma contra a Variante Delta.
“Nós conseguimos sair de 125 mil para 69 mil no buraco da vacina e continuamos com as estratégias para diminuir esses buracos, acelerar as doses de reforço, acelerar a vacinação em geral, por que pelos resultados a vacinação é o caminho para que possamos vencer tanto o corononavírus, quanto esta variante”. Afirmou.


Faixa Atual

Título

Artista

Background