Zilu Godoi terá bens penhorados para pagar dívida de mais de R$ 2 milhões

Escrito por em 03/05/2021

No final de abril, a Justiça de São Paulo decidiu que os bens de Zilu Godoi Camargo deverão sofrer penhora, tendo em vista que a empresa a qual Zilu é sócia, a Construmax Terraplanagem Ltda, não honrou com o pagamento de inúmeros bens móveis adquiridos com a Epel (Empresa Paulista de Empreendimentos Ltda).

Os bens móveis foram comprados em 17 de março de 2014 por R$ 2.330.778,71, mas nesse valor soma-se R$ 10 mil de multa. Entre os 20 bens estão: escavadeira hidráulica, motoniveladora, trator de esteiras e trator de pneus. A Epel pediu que a Justiça decidisse com urgência pela penhora.

A Construmax Terraplanagem Ltda também tinha como sócio, Marcus Buaiz, genro de Zilu, e marido da cantora Wanessa Camargo, que possuía uma cota no valor de R$ 700 mil. Contudo, Buaiz se retirou da sociedade, transferiu sua participação, e declarou não ter mais nada a receber.

A Epel pediu na Justiça a desconsideração da pessoa jurídica, para poder receber de qualquer dos sócios, sendo que a determinação de penhora é especialmente sobre Zilu Godoi. A Epel ainda enfatiza que o sócio Dorival – conhecido por Pinguim-, vive ostentando uma vida luxuosa. Ele seria dono do Camarote do Pinguim. As informações são da coluna da jornalista Fábia Oliveira, do jornal O Dia.

Marcado como

Faixa Atual

Título

Artista

Background